sábado, 5 de janeiro de 2013

Status Updated N - aNaNiNaNão

Uiiiiiiiiiiiiii!
Cheguei!!!


Como estão meus queridos amigos e colegas? Hum?
Tudo bem?
Tomara que sim!

Aqui estou eu, bela e linda, ér, digo, belo e lindo para uma postagem belo e lindo, ér, digo, bela e linda. Estou falando do Status semanal (leia-se no caso do N, bissemanal, ^^) onde nós falamos o que estamos lendo, vendo, assistindo, jogando ou quem estamos paquerando.

...


...


Bom, na verdade continuo ainda meio parado. Parei um pouco com o Mangás, filmes e jogos para me dedicar somente à uma coisa:



Uuuuuiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii!!!

Este livro é simplesmente maluco e simplesmente é maior coisa que peguei em minhas mãos nestas últimas semanas! Auuuuuuuuuuuuu!
Aliás, deixa eu dizer que é sim o maior livro que já tive, e com certeza será o maior livro que lerei em toda vida!!!

O que? O P reclama de somente 592 páginas de A Guerra dos Tronos? Ou das 656 de A Fúria dos Reis? Ou das 884 de A Tormenta de Espadas (o maior da saga até agora)? Pois saibam que este têm 954 páginas! Ahhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhh! É megaputaqueparívelmente grande para um livro de ficção! Ohhhhhhhhhhhhhhhhh!

A pessoa responsável por este obra é o cara! Não estou falando do Roberto Carlos! Nem do Lula! Nem a Mariane! Estou falando de Stephen King, o mestre do terror, horror, pavor, medo, suspense e tudo mais que deixe assustado ou arrepiado. Bem, nem tudo que te deixe arrepiado!
Ele é tipo o Zé do Caixão americano...

KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK!
Sim, isso foi uma piada!

Você sabia que o nome dela é Mariane? E ela é a cara,


Bom, deixa falar um pouquinho da estória: acontece que numa cidadezinha de interior chamada Chester's Mill, estava uma tranquila marmota a passear pela estrada no limite do município, quando de repente ela é dividida no meio por uma, ér, uma redoma, oras! Essa tal redoma é tipo uma tigela gigante que caiu em cima da cidade  e deixou as pessoinhas lá dentro ilhadas, ou, neste caso, redomadas. É como se você colocasse um copo em cima de uma aranha para ela não fugir (vocês já fizeram isso? Eu nunca, por que quando vejo uma já subo logo numa cadeira enquanto grito! Uiiiiiiiiiiiiiiiiiiii!). Dentro deste aquário gigante, os carros se quebram quando batem nele, um avião explode e os passarinhos quebram seus pescocinhos lá. Aiiiiii que dó!!!!!!
Este é o pano de fundo do livro, por que o resto é sobre interesses políticos que acontecem por lá (e isso é bacana pracas!), pânico e mortes e sangue e decepações e intestinos e miolos e... bom, não é tudo isso mas é quase!

Ahhhhhhhhh! Uma coisinha: apesar desse tróço (com acento pra não soar estranho. Équinhaaaaa!) ser dito como uma redoma, ela na verdade acompanha os limites da cidade, ou seja, não pode ser tão redonda assim.

Como disse antes, abandonei meus Mangás por enquanto para ler o quanto antes o livro mas, aconteccce que mesmo lendo-o mais ou menos bem, duas semanas depois de tê-lo comprado, ainda estou na página 323. Nãooooooooooooooooooooooooooooooo! E isso basicamente quer dizer que estou no começo dele...

na página 323...

Em uma pesquisa que fiz sobre o livro, achei um trailer sobre ele. Ohhhhhhhhhhhhhhhhhhhhh! Como pode isso??? Um trailer para um livro??? Mas ele está aí embaixo:




Amores, ér, digo, pessoas, mudando um pouquinho de assunto, ainda estou assistindo a temporada passada de Animes e continuarei assim por um bom tempo. É que na verdade a atual não é lá das melhores. O último Anime que vi irei recomendar, mas não aqui nem agora e sim no dia 13/01 em uma Review.

Aguardem.


Fora isso, basta eu dizer que teremos uma nova coluna que terá sua estreia na próxima segunda e que estou querendo um namorado, ér, digo, namorada! Estão, quem quiser se candidatar é só comentar aí.

Ótimo fim de semana, beijinhos, ér, para as meninas!
E até segunda-feira!


Bye, ér, digo, By: N (NaNNy)

Um comentário: